Iniciativas » Diálogo na Web

A relação da polícia com a população (e vice-versa)

A recente declaração do comandante da ROTA reacendeu a polêmica sobre o tratamento diferenciado por parte da polícia em função dos diferentes perfis sociodemográficos da cidade de São Paulo, assim como as diferenças de percepção da própria população em relação à polícia. De um lado, a necessidade de garantir a segurança pública e combater o crime organizado. De outro, o respeito aos direitos humanos e a interação com os movimentos sociais. Para discutir o tema, convidamos um ex-comandante da PM, um ativista do movimento negro e uma especialista em segurança pública e prevenção da violência.

A Fundação FHC realizou um Diálogo na Web, em parceria com o Quebrando o Tabu e transmitido ao vivo pelo Facebook, com o coronel da reserva Glauco Silva de Carvalho, o professor Douglas Belchior e a mestre em direito Carolina Ricardo. A mediação foi do jornalista Bruno Paes Manso.

Convidados


Carolina Ricardo
Especialista em segurança pública e prevenção da violência, é analista sênior do Instituto Sou da Paz. Foi assessora de projetos no Instituto São Paulo Contra a Violência e consultora do Banco Mundial e do BID. É mestre em Filosofia do Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo.


Douglas Belchior
Também conhecido como Negro Belchior, é professor da Rede Pública Estadual e fundador do movimento Uneafro-Brasil. É colaborador na formação da Frente Pró Cotas Raciais do Estado de São Paulo e das Articulações do Movimento Negro contra o Genocídio da População Negra. Formado em História pela PUC-SP, com Mestrado em Ciências Sociais e Humanas pela Universidade Federal do ABC.


Glauco Silva de Carvalho
Coronel da Polícia Militar do Estado de São Paulo (na reserva), foi comandante da região de Guarulhos, diretor de Polícia Comunitária e Direitos Humanos e comandante de Policiamento da Cidade de São Paulo. É formado em direito e doutor em ciência política pela Universidade de São Paulo.

Mediador


Bruno Paes Manso
Jornalista, foi repórter do jornal O Estado de S. Paulo. Mestre e Doutor em Ciência Política pela USP, é pesquisador do Núcleo de Estudos da Violência da mesma universidade. É autor do livro “O Homem X – Uma reportagem sobre a alma do assassino em SP”.

Mais sobre Diálogo na Web